Profª. Adriana Calvo - Direito do Trabalho
ÁREA RESTRITA A ALUNOS
Facebook
Twitter
Youtube
Busca

Notícias

Nova tabela do IR 2009 foi publicada no Diário Oficial nesta terça-feira
18/12/2008
Arquivo Notícias
A tabela de cálculo do Imposto de Renda 2009, que começa a valer no mês que vem com as duas novas alíquotas (7,5% e 22,5%) criadas pelo governo, foi publicada nesta terça-feira (16) no "Diário Oficial" da União com as deduções por faixa salarial.

A alteração na tabela, anunciada na semana passada, foi uma das medidas do governo para injetar mais dinheiro na economia, aumentar o consumo, diminuir os estoques das indústrias e manter o nível de emprego. A economia pode chegar a R$ 1.162,46 por ano, em relação à tabela que iria vigorar em 2009 antes da mudança. O novo valor será pago em fevereiro, referente a janeiro.

O cálculo

Para calcular o seu Imposto de Renda do ano que vem, é preciso pegar o valor do seu salário mensal e reduzir o valor da contribuição previdenciária e da dedução de dependentes, se houver. A redução será de R$ 144,20 para cada dependente. Porém, em março, o contribuinte pagará um novo valor de IR com a alteração da tabela previdenciária, que mudará de acordo com o reajuste do salário mínimo, no mês de fevereiro.

Quem ganha R$ 2.500, por exemplo, e não tem dependentes, paga R$ 275 ao INSS. Então, a sua base de cálculo de IR (para aplicar a tabela) será de R$ 2.225 em janeiro.

Com a base de cálculo nas mãos, o contribuinte vê na tabela do IR que alíquota deve ser aplicada sobre esse valor. Se for R$ 2.225, a alíquota será de 15%. Então, deve-se multiplicar R$ 2.225 por 15 e dividir por cem. O resultado é R$ 333,75. Sobre esse valor, tem de subtrair o valor da dedução da faixa de 15%, que é de R$ 268,84. Assim, esse contribuinte irá pagar por mês, no ano que vem, R$ 64,91 de Imposto de Renda. No ano, o total pago será de R$ 843,83 -com o 13º.

A base de cálculo do Imposto de Renda pode mudar de acordo com o número de dependentes que devem ser informados na declaração anual Quem tem renda mensal de R$ 2.000, por exemplo, e tem dois dependentes pagará de IR em 2009 somente R$ 4,28 por mês, segundo os cálculos do consultor Sebastião Luiz Gonçalves dos Santos, conselheiro do CRC-SP (Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo).

O contribuinte com renda mensal de R$ 3.000 e dois dependentes pagará por mês R$ 88,40 no ano que vem.

O governo manteve a correção de 4,5% na tabela de 2009 e na de 2010, também publicada ontem no "Diário Oficial". O limite de isenção passará de R$ 1.434,59 para R$ 1.499,15 em 2010. Porém, a correção anual de 4,5% é considerada insuficiente para tributaristas, já que a inflação, neste ano, deve ficar em 6,13%, de acordo com o Banco Central.
Fonte: Sintapi
Calvo e Fragoas Advogados
MATRIZ
Edifício Metrópolis
Itapecuru 645 - sala 1325
Alphaville Industrial Barueri SP CEP 06454-080
Tel: 11 4195-8130
FILIAL
Av. Paulista 726, 17º Andar, Cj. 1707-D
Bela Vista São Paulo SP CEP 01310-910
Tel: 11 3254-7516
Fax: 11 3254-7628
Powered By Vexxo